Anatomia das veias gastrocnemias

+2

No comments posted yet

Comments

Slide 1

ESTUDO ANATÔMICO DAS VEIAS GASTROCNÊMIAS EM CADÁVERES HUMANOS ADULTOS José Aderval Aragão MAIO, 2003

Slide 2

Introdução Fundamentos - Topografia das veias dos M M I I - Papel funcional das veias dos M M I I - Meios Diagnósticos por imagens nas veias dos M M I I

Slide 3

Diante da complexidade da anatomia das veias dos membros inferiores e em especial da anatomia das veias gastrocnêmias é possível: Haver um número constante de tributárias na formação dos troncos das veias gastrocnêmias. Ocorrer a formação de mais de um tronco de veias gastrocnêmias. Existir um padrão de número e distribuição de válvulas entre os troncos das veias gastrocnêmias. Ocorrer desembocadura dos troncos das veias gastrocnêmias em outras veias além da veia poplítea. Existir uma simetria na anatomia das veias gastrocnêmias em ambos os membros inferiores. Hipóteses

Slide 4

Realizar através de dissecações em cadáveres, um estudo sistemático da anatomia das veias gastrocnêmias. Objetivo

Slide 5

Métodos Projeto aprovado pela comissão de ética e pesquisa Tipo de Estudo Estudo anatômico das veias gastrocnêmias através de dissecação. Local Laboratório de Anatomia do CCBS das universidades: UNIT, ECMAL, UFBA, UNIME e UFS.

Slide 6

Métodos Participantes Critério de inclusão. Cadáveres de ambos os sexos que se estariam disponíveis nos laboratórios das universidades: UNIT, ECMAL, UFBA, UNIME e UFS.

Slide 7

Métodos Participantes Critério de exclusão. Cadáveres com alterações macroscopicamente detectáveis e que podem comprometer o sistema venoso dos membros inferiores como: - Fraturas. - Malformações. - Deformidades. - Cirurgia prévia na região poplítea.

Slide 8

Métodos Amostragem Foram utilizados consecutivamente cadáveres de ambos os sexos que estariam disponíveis para estudo nos laboratórios de anatomia das universidades: UNIT, ECMAL, UFBA, UNIME e UFS. De acordo com a lei nº. 8.501 de 30 de novembro de 1992, que dispõe sobre a utilização de cadáveres não reclamados para fim de estudos ou pesquisas científicas.

Slide 9

Variáveis Numero de tributarias Numero de tronco principal Extensão do tronco principal Desembocadura do tronco principal Posicão de desembocadura do tronco principal Numero de valvulas do tronco principal Topografia das valvulas no tronco principal

Slide 10

Métodos Método Estatístico Cálculo do tamanho da amostra A amostra foi de 20 cadáveres. Valor de alfa O valor de alfa foi definido em 5%.

Slide 11

Resultados NÚMERO DE TRIBUTÁRIAS POR PERNA DO TRONCO GASTROCNÊMIO PRINCIPAL

Slide 12

Resultados NÚMERO DE TRONCOS GASTROCNÊMIO PRINCIPAL POR PERNA

Slide 13

Resultados EXTENSÃO MÉDIA DO TRONCO GASTROCNÊMIO PRINCIPAL

Slide 14

Resultados LOCAL DE DESEMBOCADURA DOS TRONCOS GASTROCNÊMIOS PRINCIPAL

Slide 15

Resultados POSIÇÃO DE DESEMBOCADURA DO TRONCO GASTROCNÊMIO PRINCIPAL

Slide 16

Resultados NÚMERO TOTAL DE VÁLVULAS NOS TRONCOS GASTROCNÊMIOS PRINCIPAIS

Slide 17

Resultados TOPOGRAFIA DAS VÁLVULAS NO TRONCO GASTROCNÊMIO PRINCIPAL

Summary: Apresentação de um projeto de pesquisa com resultados parciais.

URL: