Construção do sentido do texto

+6

No comments posted yet

Comments

Slide 1

Construção do sentido do texto Noção de texto: é um todo organizado de sentido, sendo que o sentido de uma de suas frases depende do sentido das demais com que se relaciona; algo que é construído como uma tessitura. Um TEXTO pode ser verbal,visual, verbal e visual. 1

Slide 2

é um todo organizado de sentido, delimitado por dois brancos e produzido por um sujeito num dado tempo e num determinado espaço; o sentido de uma de suas frases depende do sentido das demais com que se relaciona; 2

Slide 3

o sentido de qualquer uma de suas passagens é dado pelo todo, isto é pelo contexto. Contexto  unidade maior em que uma unidade menor está inserida. 3

Slide 4

Contexto e conhecimento de mundo muitas vezes, o contexto apresentado em um texto é de conhecimento geral, o que facilita sua identificação. Quando isso ocorre, a compreensão do texto é imediata. Entretanto, nem sempre o contexto referido por um texto faz parte do conhecimento de mundo dos leitores. Isso pode ser um grande problema no momento de compreender o sentido dos textos.

Slide 5

dois tipos de contextos: 1)explícito: manifestado lingüisticamente 2) implícito: constituído por elementos da situação em que o texto é produzido 5

Slide 6

dois fatores são importantes para que um conjunto de frases seja um texto e não um amontoado desorganizado: 6

Slide 7

coerência: a base da coerência é a continuidade de sentido, ou seja, a ausência de discrepância. 7

Slide 8

coesão: é a ligação das frases por certos elementos que recuperam passagens já ditas ou garantem a concatenação entre as partes. O segundo fator é menos importante do que o primeiro e pode até estar ausente num conjunto de frases, sem que deixe de ser coerente e, portanto, constitua um texto. 8

Slide 9

Tudo deve ser lido no texto! a palavra a sentença o parágrafo o texto as relações/o diálogo entre: (palavras, outros textos, outros discursos) 9

Slide 10

Portanto, estamos diante de uma atividade: a leitura !!! 10

Slide 11

Boletim da Paróquia: Quinta-feira às 5:00 haverá reunião do Clube das Jovens Mamães. Todas aquelas que quiserem se tornar uma Jovem Mamãe devem contatar padre Cavalcante em seu escritório. 11 A) ORGANIZAÇÃO DOS SENTIDOS:

Slide 12

12 B) RELAÇÃO: IMPLÍCITO x EXPLÍCITO:

Slide 13

AS INFORMAÇÕES IMPLÍCITAS: Um dos aspectos mais intrigantes da leitura de um texto é a verificação de que ele pode dizer coisas que parece não estar dizendo: além das informações explicitamente enunciadas, existem outras que ficam subentendidas ou pressupostas. Para realizar uma leitura eficiente, o leitor deve captar tanto os dados explícitos quanto os implícitos.

Slide 14

AS INFORMAÇÕES IMPLÍCITAS: Leitor perspicaz é aquele que consegue ler nas entrelinhas. O que são pressupostos? São aquelas ideias não expressas de maneira explícita, mas que o leitor pode perceber a partir de certas palavras ou expressões contidas na frase.

Slide 15

EXEMPLO: O tempo continua chuvoso, comunica-se de maneira explícita que no momento da fala o tempo é de chuva, mas, ao mesmo tempo, o verbo continuar deixa perceber a informação implícita de que antes o tempo já estava chuvoso.

Slide 16

16 C) RECURSOS LINGUÍSTICOS QUE O AUTOR LANÇA MÃO AO USAR A LÍNGUA EM TEXTOS: Ironia: é o efeito resultante do uso de uma palavra ou expressão que, em um contexto específico, ganha sentido oposto ou diverso daquele com que costuma ser utilizada.

Slide 17

Humor: é um efeito que pode ser produzido com base em vários elementos, como por exemplo, o exagero ou o absurdo de certas situações, os estereótipos, os duplos sentidos das palavras, os defeitos alheios, as comparações surpreendentes, o inesperado...

Slide 18

Duas "Cobras" olhando o céu, numa noite estrelada: - Como nós somos insignificantes. - Você e quem? (LFV)

Slide 19

Domingo à tarde o político vê um programa de televisão. Um assessor passa por ele e pergunta: - Firme? O político responde: - Não. Sírvio Santos.

Slide 20

O sujeito chega à cidadezinha do interior e, faminto, entra no único restaurante do lugar. - Almoço? – rosna o garçom. - Claro! Claro! – responde o visitante, e arrisca: - Quais as opções? - Sim ou não, responde o garçom. 20

Slide 21

O sujeito chega na firma e pede um emprego. O gerente do departamento pessoal pergunta: - Qual é o cargo que o senhor pretende? - De presidente da empresa. - O senhor é louco? - E precisa? 21

Slide 22

22

Slide 23

O ladrão entra numa joalheria e rouba todas as jóias da loja. Guarda tudo na mala e, para disfarçar, coloca roupas em cima. Sai correndo para um beco, onde encontra um amigo, que pergunta: E aí, tudo jóia? Que nada! Metade é roupa... 23

Slide 24

d) DIFERENTES GÊNEROS: poema, crônica, novela, filme, música, e-mail, editorial, tira, HQ, charge, texto publicitário, piada, oração, receita, bula... 24

URL: