Sistemática - Categorias Taxonómicas; Nomenclatura ; Reinos dos Seres Vivos

+9

No comments posted yet

Comments

Slide 1

Categorias taxonómicas Nomenclatura Reinos dos seres vivos SISTEMÁTICA

Slide 2

Categorias taxonómicas - Lineu 2 Carl Linné (1707-1778) Lineu foi um botânico, zoólogo e médico sueco, criador da nomenclatura binominal e da classificação científica, sendo considerado “pai da taxonomia moderna”.

Slide 3

Categorias taxonómicas (Taxa) 3 Os grupos hierárquicos (taxa) estabelecidos por Lineu no seu sistema de classificação – Systema Naturae - ainda hoje são usados. Consideram-se sete grupos taxonómicos principais: Reino – Filo – Classe – Ordem – Família – Género – Espécie. São consideradas categorias intermédias entre os taxa principais (sub-filo, superclasse, etc).

Slide 4

4 Categorias taxonómicas 7 (Sete )Taxa : Taxon

Slide 5

5 Categorias taxonómicas Hierarquia no Sistema de Lineu Espécie Taxon base da classificação

Slide 6

Categorias taxonómicas Hierarquia no Sistema de Lineu

Slide 7

7 Conceito de espécie Espécie representa um grupo natural constituído pelo conjunto de indivíduos que partilham o mesmo fundo genético, morfologicamente semelhantes, que podem cruzar-se entre si originando descendentes férteis (conceito biológico de espécie)

Slide 8

Regras da Nomenclatura 8

Slide 9

9 Regras da Nomenclatura Cada espécie é designada por dois termos em latim (nomenclatura binominal) – ex: Homo sapiens, Canis vulgaris, Canis lupus, Felis catus, Lilium candidum, Quercur robur, etc. O primeiro termo é o nome do género e começa por maiúscula; o segundo é o restritivo específico e começa por minúscula. Quando se designa a espécie é obrigatório referir os dois termos, que devem ser escritos em itálico (Quercus robur ) ou sublinhados, quando manuscritos (Quercus robur). O autor pode ser referido adiante da designação científica: Canis vulgaris Linneu ou Canis vulgaris L. Uma sub-espécie é designada pelo nome da espécie seguida de um terceiro termo – o restritivo sub-específico (nomenclatura trinominal) – ex: Homo sapiens sapiens. Todos os taxa superiores à espécie possuem uma nomenclatura uninominal..

Slide 10

10 Nomenclatura da Espécie Nomenclatura binominal

Slide 11

Nomenclatura da Espécie 11 Nomenclatura binominal

Slide 12

12 Nomenclatura da Subespécie Subespécie do Coelho – bravo: Oryctolagus cuniculus algirus Nome genérico Restritivo ou epíteto específico Restritivo ou epíteto subespecífico Nomenclatura Trinominal

Slide 13

13 Evolução dos sistemas de classificação

Slide 14

14 Evolução dos sistemas de classificação (1956)

Slide 15

15 SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO DE WHITTAKER MODIFICADO (1979) Critérios de classificação usados por Whittaker

Slide 17

17 Classificações Biológicas Em 1990, Carl Woese propôs um sistema baseado numa categoria taxonómica denominada, divisão. Os seres vivos estariam divididos em 26 divisões, incluídos num de três Domínios: Archaebacteria Eubacteria Eucariota

Slide 18

Conclusão… Apesar do sistema de cinco reinos de Whittaker ainda reunir, atualmente, algum consenso, a perspetiva sobre a diversidade biológica está sempre a mudar. Não existem sistemas de classificação perfeitos ou definitivos.

Summary: LINEU foi um Botânico, Zoólogo e Médico Sueco, considerado o "Pai da Taxonomia Moderna" (Biologia 11ºano)

URL:
More by this User
Most Viewed