AULA 7 - REDE DE RELAÇÕES

+5

No comments posted yet

Comments

Slide 1

Construir uma Rede de Relações “Diga-me com quem pretendes andar e direi quem serás”

Slide 2

Rede de Relações Parece ser o mais importante Influencia com maior intensidade a criação e a evolução Relações = produto social Necessário para melhorar, desenvolver e implementar visão

Slide 3

Ideias de produtos baseadas na experiência Emergem de um estado bruto; refletem vontade ainda não definida Não foram validadas, não representam uma oportunidade concreta Procura pessoa para aprofundar a idéia emergente, faz leituras sobre o assunto, participa de feira Interação entre visão e relações

Slide 4

Interação entre visão e relações É um processo interativo na medida em que tais relações irão contribuir para melhorar a ideia inicial, alterando o produto/serviço. Alteração da ideia inicial Faz novos contatos É um processo contínuo

Slide 5

Interação entre visão e relações Capacidade de tecer relações na área, definindo nível de erros no processo gerencial

Slide 6

Relação interna Escolha de colaboradores e sócios Investimento de energia em treinamento e seleção Delegar só depois de construir relação de confiança Assimilar se a visão é capaz de contribuir para sua realização Energia dirigida à construção das relações internas é fundamental para o sucesso da empresa.

Slide 7

Níveis de relações Primárias Secundárias Terciárias

Slide 8

Primárias Familiares próximos São ligadas a mais de um tipo de atividade Abrange tanto ligações afetivas como intelectuais, esportivas, de lazer e outras Atuam diretamente no conceito de si da pessoa

Slide 9

Secundárias Se desenvolvem em função de uma atividade precisa: Clube social Atividade religiosa Trabalho Política Podem se tornar relações primárias

Slide 10

Terciárias Relações escolhidas com o objetivo de preencher uma necessidade Não é necessariamente uma relação com pessoa física pode ser um contato com um campo de interesse É geralmente o sistema terciário que leva a pessoa a revisar critérios de seleção de suas relações nos outros níveis

Slide 11

Estabeleça relações Estabeleça a sua rede de relações, que deverá crescer e se alterar sempre Pessoas que podem contribuir Conhecer empresas similares Participar de feiras Leitura sobre o tema e diversificada Fontes de recursos

Slide 12

Escolha um mentor Escolha alguém que pode te aconselhar e se for possível, alguém da área que você pretende atuar

Slide 13

Planejar Iniciar a criação da própria rede de relações para dar suporte ao processo visionário e ao negócio

Slide 14

São os relacionamentos humanos que podem nos proteger de riscos e permitem a criação de oportunidades Existe uma bilateralidade importante na rede de relacionamentos: captação e compartilhamento de repertórios É importante ressaltar que o quanto se está disposto a colaborar com a rede, acaba determinando o que se poderá obter dela E o Networking ou Rede Humana de Relacionamentos...

Slide 15

“Fazer networking é proporcionar o estabelecimento de uma rede de relações pessoais que permite a troca de idéias, conselhos, informações, referências, contratos e sugestões, onde a competência, habilidades e talentos são compartilhados e agregados” (Andréa Lébre) Um conceito...

Slide 16

O raciocínio essencial é que toda pessoa desconhecida é potencialmente um novo relacionamento Grupos e/ou instituições consolidados em torno de um objetivo comum são os espaços ideais para as conexões produtivas O grande desafio é desenvolver a sócio-habilidade, criando facilidades para o estabelecimento de contatos O importante é criar o que se denomina de capital social Como sistematizar o networking...

Slide 17

Rede pessoal de relacionamentos (conexões afetivas) Rede profissional (conexões na mesma área de atuação) Rede organizacional (conexões nas organizações de trabalho) Rede de oportunidades (conexões resultantes de iniciativa própria ou de grupos) Rede Humanas em Conexão...

Slide 18

Rede de divulgação Contatos/veículos de marketing Rede de informação Contatos/conhecimento para tomada de decisão Condições de Inovação e Desenvolvimento...

Slide 19

Rede de segurança Contatos/apoio, aconselhamentos e orientações Banco de talentos, recursos e habilidades Contatos/equipes e parcerias Condições de Inovação e Desenvolvimento...

Slide 20

Rede de oportunidades Contatos/postos avançados de escuta e mediadores de inovação e desenvolvimento Condições de Inovação e Desenvolvimento...

Slide 21

Princípios que devem ser observados A rede de relações deve ser construída em função da visão Comunicar com quem se dispuser a ouvir sobre você e o seu negócio Sustentabilidade: ela deve ter características que permitam sua sustentação e durabilidade. O empreendedor deve estar disposto a participar e a contribuir com os integrantes da rede

Slide 22

Princípios que devem ser observados Reciprocidade: um trabalho em rede deve ter fluxo de ida e volta, os participantes estão sempre contribuindo uns com os outros, sob pena de esquecimento e exclusão da rede Avaliação da rede de relações: seus pontos fracos devem ser constantemente melhorados

Slide 23

Princípios que devem ser observados Atualização: também os integrantes da rede mudam . É preciso estar atento para a integração constante de novos elos Adaptabilidade: a rede é um processo dinâmico, que varia em função do tamanho da empresa, das modificações do produto e serviços, da forma de comercialização, dos mercados alvo

Slide 24

Princípios que devem ser observados Participação: é importante a participação nas atividades da categoria, associações de classe, eventos, reuniões

Slide 25

Princípios que devem ser observados Monte um sistema de relações: primárias, secundárias, terciárias Indique “padrinho” como referência Reúna-se com os que tem o mesmo mercado interno, troque informações e ideias, chegue a um consenso Apresente o sistema de relações construído após a reunião para o mercado externo

URL: